conecte-se conosco

Tecnologia

Claro tem melhor internet móvel, enquanto Vivo lidera fixa, diz estudo

Publicado


source
Pessoas com celulares em mãos
Bruno Ignacio

Pessoas com celulares em mãos

Um levantamento feito pela consultoria norte-americana Ookla mostra que a Claro tem a maior velocidade de internet móvel no Brasil. A empresa mantém a liderança em relação ao ano anterior, com 71,16 Mbps de velocidade em celulares.

O valor é muito superior à segunda colocação, ocupada pela Vivo (31,9 Mbps). TIM (28,2 Mbps) e Oi (21,64 Mbps) completam o ranking entre as maiores operadores de internet móvel do país.

Considerando a entrada do 5G no Brasil, o ranking se altera, mas a Claro ainda mantém a liderança. A operadora tem performance de 71,1 Mbps, enquanto a TIM tem 56,2 Mbps e a Vivo registrou 55,9 Mbps.

A pesquisa ainda colocou a Vivo na liderança em internet fixa. Segundo a Ookla, a empresa oferece 105,4 Mbps de velocidade, o melhor índice no Brasil.

A Oi está segundo e a Claro na terceira colocação. Ambas possuem 99,62 Mbps e 98,44 Mbps registrados, respectivamente.

Leia Também

Considerando a latência, a TIM ocupa o menor índice em telefonia móvel, com 27 milissegundos. Claro (28 ms), Vivo (30 ms) e Oi (32 ms) aparecem nas colocações abaixo. Já em internet fixa, a Oi registou o melhor índice, com 4 ms. Vivo (5 ms) e Claro (12 ms) completam o ranking.

Leia mais:  Amazon vai abrir sua primeira loja física de roupas com provador tech

Queda de posição

Com os resultados apurados pela consultoria, o Brasil caiu duas posições no ranking de melhor rede de internet móvel do mundo. O país ocupava a 76ª em 2020 e, agora, ocupa a 78ª. O levantamento considera a rede de 138 países.

No quesito rede fixa, o Brasil está melhor posicionado. A média do país, segundo o levantamento, foi de 85 Mbps, o que nos coloca na 35ª posição no ranking mundial.

Brasília tem a melhor internet

A Ookla divulgou ainda um levantamento sobre a rede de internet nas capitais brasileiras. Brasília obteve melhor resultado tanto em internet fixa (105 Mbps) quanto em móvel (35 Mbps).

Já São Paulo, considerada a cidade mais tecnológica do país, ocupa a quarta posição em internet móvel (26,12 Mbps) e a sexta em internet fixa (93 Mbps). O Rio de Janeiro se colocou na terceira posição em rede móvel (26,23 Mbps) e na oitava colocação em fixa (89 Mbps).

Leia mais:  Uber agora te deixa ver quantas estrelas recebeu dos motoristas

publicidade

Tecnologia

Facebook faturou R$ 158 milhões com anúncios falsos em quatro anos

Publicado

Facebook lucra com campanhas de desinformação
Unsplash

Facebook lucra com campanhas de desinformação

Em cerca de quatro anos, o Facebook faturou ao menos US$ 30,3 milhões (cerca de R$ 158 milhões, em conversão direta) em anúncios realizados por redes de comportamento inautêntico coordenado – como campanhas de desinformação -, mostra um levantamento feito pela revista Wired.

Os números são referentes ao período entre julho de 2018 e abril de 2022, e as redes foram posteriormente derrubadas pelo Facebook. Margarita Franklin, chefe de comunicações de segurança da Meta, confirmou à Wired que a receita de anúncios não é devolvida mesmo se os anunciantes forem banidos por ferirem as regras da plataforma.

De acordo com a empresa, nem todo o montante veio de anúncios que, de fato, violavam as regras do Facebook. Parte do dinheiro veio de publicidade autêntica, mas realizada pelas mesmas organizações que foram derrubadas por participarem de redes de comportamento inautêntico coordenado.

Dentre os comportamentos inautênticos com os quais o Facebook vem lucrando nos últimos anos, estão páginas falsas que visam enganar os usuários e, em grande parte dos casos, campanhas de desinformação.

O levantamento da Wired também revela que mais de US$ 22 milhões dos US$ 30,3 milhões foram gastos por apenas sete redes de comportamento inautêntico. Uma única campanha global ligada a um grupo de mídia de direita anti-China rendeu US$ 9,5 milhões aos cofres do Facebook.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Continue lendo

Mais Lidas da Semana