conecte-se conosco

Economia

Experiência ajudou Brasil a tomar medidas contra inflação, diz Guedes

Publicado


O Ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje (21), durante sua participação no Fórum Econômico Mundial, que a inflação será “um verdadeiro problema” para o mundo ocidental, mas que o Brasil, devido às experiências anteriores de convívio e combate a altas taxas inflacionárias, foi mais rápido que outros países no sentido de adotar medidas contra a alta de preços.

A fala do ministro foi feita após participações de autoridades do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Central Europeu, no painel Perspectivas Econômicas Globais, que teve como tema principal a influência da pandemia no aumento dos índices inflacionários.

Na avaliação da diretora de Gestão do FMI, Kristalina Georgieva, é fundamental entender que a inflação está mais alta e persistente em alguns países, e que este é “um problema específico a cada país”. Segundo ela, essas especificidades marcarão o ano de 2022.

“Não será possível manter todas as políticas em todas as partes, o que fará o combate mais complicado em alguns países”, disse Georgieva.

A presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, acrescentou que a autoridade monetária precisa estar atenta “às cifras apresentadas em cada país”, e que em muitos casos a superação e a conservação de empregos foi subestimada, disse ela ao defender atenção a problemas relativos ao mercado de trabalho.

Leia mais:  Pix dá "prejuízo" superior a R$ 1 bilhão para grandes bancos em 2021

“Na França vemos indicadores específicos como negociações coletivas de salários na qual empregadores e sindicatos levam em conta os índices de inflação. No entanto, em outros países não estamos vendo essas negociações avançarem”, disse Lagarde.

“Estávamos acostumados a níveis baixos de inflação. E agora temos de ver quanto isso vai durar, e vai durar”, acrescentou.

Em seu discurso, o ministro Paulo Guedes disse que “a inflação será um verdadeiro problema para o mundo ocidental”, exatamente por não estarem acostumados a lidar com esse tipo de problema. “O Brasil, devido à experiência trágica prévia com inflação, se mobilizou de forma mais rápida”, disse o ministro.

“Meu medo agora é que a besta está fora da garrafa [nos países ocidentais]. Não acredito que a inflação seja transitória. Penso que os elementos adversos que alimentam a inflação vão diminuir gradualmente, mas não há mais arbitragem a ser explorada pelo ocidente. Penso que os bancos centrais estão dormindo enquanto dirigem. Eles têm de ficar atento porque a inflação será um problema real em breve para o ocidente”, argumentou.

Leia mais:  Governo quer ampliar municípios que fazem inspeção de produtos animais

Referindo-se ao comentário de Lagarde sobre os governos terem de ficar atentos ao que ocorre no mercado de trabalho, Guedes lembrou que, em 2019, o mundo estava, segundo diversas autoridades monetárias em uma “desaceleração sincronizada”.

“Fomos então afetados pela covid-19 e respondemos [no Brasil] de forma a evitar uma grande depressão. Agora estamos de volta à situação de desaceleração sincronizada e avanço de economias. Mas agora a inflação está aí. A questão é saber o quão transitórios são esses fatores”, completou o ministro brasileiro.

Edição: Denise Griesinger

publicidade

Economia

Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia

Publicado

Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia
Ana Marques

Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia

O Nubank é uma das empresas com vagas abertas para desenvolvedores, DevOps e gerente de tecnologia no Brasil. Mas há outros grandes nomes no compilado desta semana, incluindo mais um do setor financeiro, o Banrisul, que também busca profissionais de TI para preencher seu time. A seguir, veja mais informações sobre essas e outras oportunidades na área.

Nubank tem vagas em São Paulo

O Nubank está em sétimo lugar na lista de empresas que são o sonho dos brasileiros quando o assunto é vaga de emprego. Se você faz parte desse grupo de fãs da fintech, vale ficar de olho nas oportunidades em aberto para o setor de tecnologia.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG 

Atualmente, para o escritório de São Paulo, há posições disponíveis para especialista em dados, engenheiros de software, gerente de tecnologia e DevOps, entre outras. Algumas delas são exclusivas para pessoas com deficiência (PCD).

Para conhecer mais detalhes e realizar a candidatura, basta acessar a página de vagas do Nubank.

Banrisul tem 274 vagas em concurso

Profissionais de TI encontram 274 vagas para nível técnico no concurso público da Banrisul, que aceitará inscrições de 1º a 18 de julho (mediante taxa de R$ 173). As posições estão divididas em sete áreas:

  • segurança da tecnologia de informação
  • desenvolvimento de sistemas
  • transformação digital
  • gestão de tecnologia de informação
  • QA e analistas de teste
  • suporte à infraestrutura de TI
  • suporte à plataforma mainframe.
Leia mais:  Mercado eleva para 5,6% previsão de inflação deste ano

Os selecionados serão contratados em regime de 30 horas semanais, e devem ter formação em qualquer curso de ensino superior. A princípio, as vagas são para Porto Alegre, mas há possibilidade de trabalho remoto.

Realize sua inscrição por meio do site do Cebraspe.

Agi busca profissionais de tecnologia

Ainda falando sobre empresas do setor financeiro, o Agi abriu cerca de 80 vagas para diversos times, incluindo o de tecnologia. Apesar de ter sede corporativa em Campinas, a companhia oferece modelos de trabalho híbrido e remoto, a depender do cargo.

Há posições para engenheiros de software backend, analista de cibersegurança, especialista em arquitetura de software e analista de operações, entre outras.

Você pode encontrar mais informações sobre os requisitos de cada vaga e o regime de contratação na página de carreiras do Agi.

Invillia tem vagas 100% remotas

A Invillia presta serviços de transformação digital para empresas, e oferece oportunidades de trabalho remoto para profissionais de tecnologia. Atualmente, há posições em aberto para desenvolvedor backend, analista de infraestrutura, desenvolvedor mobile (iOS) e analista de qualidade, entre outras.

Leia mais:  UE vai emitir títulos para reestruturar Ucrânia

A companhia é bem avaliada no Glassdoor, plataforma que reúne comentários de funcionários e ex-colaboradores; e promete um universo próprio e imersivo para trabalho, que já recebeu prêmio da Microsoft.

Você pode encontrar os requisitos de cada vaga e mais informações sobre candidatura na plataforma Gupy.

Tecnocast 247 – O trabalho remoto ainda não é unanimidade

A pandemia inseriu diversas empresas na realidade do trabalho remoto. Muita gente torceu para que essa mudança forçada tornasse esse modelo o novo padrão. Mais de dois anos e algumas doses de vacina depois, vemos que não é bem assim. Mas quais são os motivos da desconfiança em relação a esse modelo? Falamos sobre o tema no Tecnocast 247. Dá o play!

Tecnocast · 247 – O trabalho remoto ainda não é unanimidade

Nubank, Banrisul e mais empresas abrem 400 vagas em tecnologia

Fonte: IG ECONOMIA

Continue lendo

Mais Lidas da Semana