conecte-se conosco

Mato Grosso

Investimento em infraestrutura escolar foi R$ 469 milhões em 2021

Publicado


Somente em obras de reformas, manutenção, mobiliário e construção de novas escolas estaduais, em 2021, o Governo de Mato Grosso investiu R$ 469 milhões. Conforme levantamento da Secretaria Adjunta de Gestão Educacional (Sage), este número representa uma diferença e aumento de mais de R$ 300 milhões em relação ao ano de 2011 quando o número de investimentos foi de R$ 115,28 milhões.

Os projetos foram viabilizados pela Secretaria Estadual de Educação (Seduc) com recursos do programa Mais MT, o maior programa de investimentos do Governo de Mato Grosso, cujos recursos totalizam R$ 9,5 bilhões em quatro anos (2019/2022).

Os recursos descentralizados destinados somam R$ 47.680.789,43 e auxiliaram na manutenção corretiva em 415 unidades escolares. Nos últimos 3 anos de gestão foram construídas e entregues 16 novas escolas estaduais e outras 18 foram reformadas e entregues. Também foram construídas e entregues 15 quadras poliesportivas.

A climatização foi adotada em 102 escolas, sendo 12 em 2020, e 90 em 2021. Para 2022 a previsão da Seduc é de que 106 escolas sejam climatizadas. Para auxiliar no transporte escolar dos alunos foram adquiridos 19 ônibus em 2021, e para este ano, 600 novos veículos devem ser comprados.

Leia mais:  Sexta-feira (18): Mato Grosso registra 690.906 casos e 14.620 óbitos por Covid-19

Além dos investimentos em infraestrutura e na área pedagógica, o secretário de Educação, Alan Porto, destaca o foco na formação continuada dos professores e aquisição de material didático do Sistema Estruturado de Ensino, similar ao utilizado em escolas particulares.

Em todo o Estado, são mais de 18 mil profissionais beneficiados. “Todos os investimentos que estamos fazendo nos últimos anos é para tornar a escola um ambiente atrativo e de qualidade para os nossos estudantes, além de trabalhar a formação continuada dos nossos profissionais para reforçar a aprendizagem. É por meio da educação que vamos conseguir transformar e construir um futuro melhor”, afirmou o secretário.

Dentre os investimentos na parte pedagógica, para melhorar a aprendizagem dos estudantes, o Governo do Estado ainda garantiu notebook para todos os professores do Estado que estão em sala de aula.

Entre as obras entregues em 2021 estão o novo prédio da Escola Estadual Mário de Castro, no bairro Pedra 90, em Cuiabá. Com investimentos de R$ 7.831.454,23, a escola tem capacidade para 1.700 estudantes do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. São 17 salas de aula, laboratórios de física e química, sala do Profissão 4.0, sala de professores, sala de reuniões, secretaria, coordenação, diretoria, refeitório e quadra poliesportiva.

Leia mais:  Politec conclui que incêndio no Hospital São Benedito teve início no ar-condicionado

No bairro Coophema, em Cuiabá, a Escola Estadual Hermelinda de Figueiredo foi totalmente transformada e ganhou salas de aula climatizadas, refeitório, laboratório e quadra poliesportiva. Foram investidos R$ 2.725.705,50.

Em Rondonópolis, foi entregue a reforma geral e ampliação da Escola Estadual Marechal Dutra.  Com investimentos de R$ 4,4 milhões, a unidade teve uma das maiores transformações em Mato Grosso. São 16 salas de aula climatizadas, laboratórios, parte administrativa, refeitório, cozinha e quadra poliesportiva coberta.

CONFIRA ABAIXO A TABELA COM OS INVESTIMENTOS DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Fonte: GOV MT

publicidade

Mato Grosso

Governo credencia instituições financeiras ao fundo de aval MT Garante; investimento é de R$ 100 milhões

Publicado

O Governo de Mato Grosso credencia, nesta segunda-feira (27.06), as cinco instituições financeiras interessadas em operacionalizar linhas de crédito, por meio do Fundo de Aval Garantidor de Mato Grosso, o MT Garante. O investimento do governo no fundo é de R$ 100 milhões, beneficiando diretamente microempreendedores individuais, micro e pequenas empresas, pequenos e médios produtores rurais, cooperativas e economia solidária.

O ato de credenciamento será realizado na Sala Garcia Neto, no Palácio Paiaguás, às 15 horas, com o governador Mauro Mendes, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, e presidente da Desenvolve MT, Jair Marques, e as instituições financeiras Sicred, Sicoob, AL5, Unicred e Desenvolve MT.

MT Garante

O fundo de aval é vinculado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) garantindo crédito às operações de financiamento contratadas por meio da Desenvolve MT, cooperativas e demais instituições financeiras públicas e privadas. A expectativa é de que o afiançamento pelo governo possibilite R$ 1 bilhão em linhas de crédito, que vão beneficiar Microempresas Individuais (MEIs); Microempresas (ME); Empresas de Pequeno Porte (EPP); Pequenos e Médios Produtores.

Leia mais:  Casos de roubos têm redução de 16% em Mato Grosso

Com a formalização do investimento, o Governo viabiliza e reduz uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos pequenos empresários, microempreendedores e produtores rurais, que buscam suporte financeiro para manter o próprio negócio, como exigências de garantias, taxas de juros elevadas e prazos curtos de pagamento, dentre outros empecilhos burocráticos. 

Serviço
Governo credencia cinco instituições financeiras ao MT Garante
Data e hora: segunda-feira (27.06), às 15h
Local: Sala Garcia Neto, Palácio Paiaguás, Cuiabá

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana