conecte-se conosco

Mato Grosso

Seplag investe na capacitação de estagiários do Governo do Estado

Publicado


Está em execução pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), por meio da Secretaria Adjunta da Escola de Governo, o projeto “Certificação Avançada de Estagiários.gov”, voltado a estudantes do ensino médio, da graduação e da pós-graduação contratados como estagiários do Poder Executivo estadual.

O principal objetivo da iniciativa é investir na formação profissional desse público no intuito de aumentar as suas chances de emprego no mercado de trabalho, explicou o titular da Seplag, Basílio Bezerra.

“Muitos destes estudantes estão tendo a sua primeira oportunidade de emprego, de contato com o mercado de trabalho, através deste estágio com o Governo. Outros estão aqui para expandir a sua rede de contatos profissionais ou para conhecer a dinâmica do serviço público”, pontuou Basílio. “Quanto mais adquirirem conhecimento e souberem dos caminhos para ingressar no mercado, maiores serão as suas chances de obter um emprego”, completou.

Segundo a Associação Brasileira de Estagiários (Abres), além de promover a vivência corporativa, o estágio ainda oferece renda para a manutenção dos estudos e é um aliado da educação, pois sua prática só é permitida para quem está regularmente matriculado e frequentando uma instituição de ensino.

Atualmente, o Governo do Estado possui em seu quadro de pessoal 2.107 estagiários. Desses, 67 estão matriculados no ensino médio, 1.328 na graduação e 712 na pós-graduação. Mato Grosso é um dos estados pioneiros na contratação de estagiários de pós-graduação (lato sensu e stricto sensu). O último processo seletivo para o programa de estágio com o Governo de Mato Grosso ocorreu há pouco mais de um ano, entre os meses de fevereiro e março de 2020.

Leia mais:  Detran-MT notifica 367 condutores por suspeita de irregularidade na obtenção da CNH

A engenheira florestal Tatiane Pereira Gilioli, estagiária de pós-graduação da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), conta que está em seus planos futuros tornar-se servidora pública e que o estágio com o Governo é uma oportunidade de conhecer melhor a área. Tatiane é pós-graduanda em topografia aplicada e geoprocessamento.

“Eu optei pelo estágio para conhecer melhor o serviço público. Quando recebi um e-mail da Escola de Governo falando sobre o curso, o interesse pela área foi o que me motivou inicialmente, a oportunidade de aprender um pouco mais sobre ela, de enriquecer a minha formação profissional e pessoal, além de preencher o meu tempo livre devido a carga horária reduzida do estágio. Resolvi aproveitar a oportunidade”, ressaltou.

A estudante disse, ainda, que a iniciativa da Seplag de oferecer uma capacitação voltada somente para os estagiários do Governo chamou a sua atenção. “Pra mim, pareceu uma forma de cuidado do Estado com as pessoas e a intenção real de trazer experiências profissionais, técnicas e pessoais a todos que ocupam um cargo de estágio no quadro dos servidores”.

 A estagiária Tatiane Pereira Gilioli (a segunda na fileira da esquerda) com sua equipe de trabalho na Secretaria de Estado de Meio Ambiente. Foto por Sema-MT

Leia mais:  Convênios ultrapassam R$ 80 milhões para Sinop e Deputado Dilmar Dal Bosco comemora início das obras da Estrada Nanci

De acordo com a secretária adjunta da Escola de Governo, Marioneide Kliemaschewsk, o projeto foi pensado como mais uma oportunidade de incentivar melhorias na formação do conhecimento e no currículo dos estagiários ao alinhar o aprendizado da sala de aula à prática vivenciada no mercado de trabalho.

Para alcançar tal objetivo, o projeto tem como foco o desenvolvimento de competências comportamentais e técnicas. O bloco comportamental aborda temas como comunicação, inteligência emocional, relacionamento interpessoal, postura profissional e ética no serviço público. Já o segundo trata da gestão de projetos e do tempo, dos modelos de gestão pública e da sustentabilidade na administração pública.

A capacitação está sendo ofertada na modalidade de Ensino a Distância (EAD), desde o dia 2 de agosto, de forma exclusivamente autoinstrucional, ou seja, com flexibilidade de tempo e de local de estudo ao aluno. O projeto possui carga horária total de 120 horas/aulas e ao concluí-lo os estudantes receberão a certificação do Estado, emitida pela Escola de Governo.

“Acreditamos que a educação transforma as pessoas e queremos estar ao lado dos nossos estagiários neste momento tão importante de aprendizado”, afirmou Kliemaschewsk.

Mais informações sobre o projeto “Certificação Avançada de Estagiários.gov” podem ser obtidas com a Escola de Governo pelo telefone 3613-3611 ou e-mail [email protected]

Fonte: GOV MT

publicidade

Mato Grosso

Governo de MT assina convênio com a Prefeitura de Sinop para construção da nova unidade da Politec

Publicado

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública, assinou, nesta quinta-feira (30.06), convênio com a Prefeitura de Sinop para a construção do novo edifício da Coordenadoria Regional da Politec do município.

O ato foi publicado no diário oficial da última sexta-feira (24.06). Conforme o extrato do convênio, serão destinados R$ 7.357.881,04, sendo R$ 6.768.881,04 dos recursos provenientes do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública, e R$ 589 mil oriundos da Prefeitura de Sinop.

O diretor Geral da Politec, Rubens Sadao Okada, explica que o projeto arquitetônico do novo edifício é moderno e arrojado, inspirado o futuro complexo de Cuiabá, que propõe trazer mais funcionalidade nos serviços ofertados, e que proporcione um ambiente confortável para os servidores e à população.

O projeto prevê a construção de uma sede que reúne todos os serviços prestados pela instituição (criminalística, identificação técnica, e medicina legal),  com área total de 1.403,69 m², e será situada no terreno ao lado na atual sede, localizada na Rua das Ipoméias, Setor Industrial Norte. O prédio atual foi edificado em 1982, e conta com 503,30m², e havia sido reformado e adaptado para instalação da Coordenadoria Regional da Politec.

Leia mais:  Gefron recupera em Vila Bela da Santíssima Trindade três veículos roubados

Sua arquitetura é pensada na integração entre os setores para uma melhor comunicação interna, com áreas de trabalhos integradas. Além disso foi concebido toda a estrutura para suporte da demanda atual e futura, fazendo-se assim que a edificação atenda, de forma adequada, a demanda atual assim como a projeção de crescimento da cidade.

Conforme o diretor-geral da Politec, Rubens Sadao Okada, a partir da assinatura deste convênio a instituição tabalhará em conjunto com a prefeitura de Sinop para adiantar o mais breve possível o lançamento do edital de concorrência para a licitação da obra.

Para o diretor, o ato representa um grande avanço e tem como foco a melhor prestação de serviços aos cidadãos. A construção da unidade levou em consideração a alta demanda de perícias e identificações atendidas pela regional, as condições estruturais do prédio e população diretamente atendida.

“As condições atuais do prédio não estavam condizente com o volume de atendimento que prestamos à população. O prédio é muito antigo e não comporta mais reformas, apesar de já termos feito reformas, o ambiente é pequeno e não comporta mais a quantidade de servidores. Trata-se de uma importante coordenadoria em relação à demanda de serviços e ao suporte a todas as gerências que ela abrange, como Alta Floresta, Sorriso e Guarantã do Norte”,disse.

Leia mais:  Detran-MT orienta sobre a importância da instalação correta do kit GNV

Abrangência

A Coordenadoria Regional de Sinop atende diretamente 32 municípios, com um total de 706.908 habitantes e possui atualmente 66 servidores lotados na unidade, entre peritos oficiais criminais e médicos legistas, papiloscopistas, técnicos em necropsia, área meio e médicos legistas contratados.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana