conecte-se conosco

Policial

Suspeito de crimes patrimoniais presta depoimento e furta novamente ao sair de delegacia

Publicado

Investigadores da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Nova Mutum prenderam em flagrante D.S., de 39 anos, por furtar uma bicicleta logo após sair da unidade policial onde foi ouvido em inquérito por outros crimes patrimoniais cometidos na cidade.

Ele é investigado por, pelo menos, dois furtos recentes ocorridos em Nova Mutum e foi intimado a prestar depoimento à Polícia Civil nesta terça-feira. Após sair da delegacia, o suspeito furtou uma bicicleta avaliada em R$ 2 mil e foi flagrado pelos investigadores e preso imediatamente.

O investigado possui extenso histórico criminal por crimes contra o patrimônio e rompeu a tornozeleira eletrônica quando cometeu os delitos.

Violência doméstica

Em outra prisão realizada pela equipe de investigadores, um homem de 29 anos teve o mandado judicial cumprido também na terça-feira.

Ele é investigado pela Polícia Civil em Nova Mutum por lesão corporal em situação de violência doméstica e descumprimento de medidas protetivas.

Fonte: PJC MT

Leia mais:  Polícia Civil descarta mais de 2,4 toneladas de documentos que perderam a validade
publicidade

Policial

Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal apreendem caminhão com madeira irregular na fronteira

Publicado

Um caminhão carregado de madeira irregular foi apreendido na noite de quinta-feira (30.06), no município de Comodoro, região oeste do Estado, após ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal. Três pessoas foram presas em flagrante pelo crime ambiental.
 
Os policiais civis de Comodoro e os agentes da PRF realizavam barreiras na região de fronteira, visando o combate a extração ilegal de madeira em terras Indígenas, quando na noite de quinta-feira (30), avistaram um caminhão transportando a matéria prima. 
 
A fiscalização policial foi montada na Rodovia BR 174, próximo ao KM 555, entre os municípios de Comodoro e Vilhena, no Estado de Rondônia.  Durante a abordagem foi verificado que o veículo era ocupado pelo motorista e mais dois indivíduos.
 
Na ocasião não foram apresentados os documentos obrigatórios, além da documentação exigida para o transporte de madeiras, como o Documento de Origem Florestal e a Guia Florestal, além disso, o caso do transporte da madeira feito no período noturno, constitui uma agravante ao crime ambiental previsto na Lei Federal  9.695/98.
 
Diante dos fatos, o caminhão com a carga de madeira foi apreendido, e os três suspeitos conduzidos para Delegacia de Comodoro, onde foram interrogados e autuados em flagrante delito.

Fonte: PJC MT

Leia mais:  Polícia Civil descarta mais de 2,4 toneladas de documentos que perderam a validade

Continue lendo

Mais Lidas da Semana