conecte-se conosco

Política MT

Zeca diz aceitar ser vice de Mauro, mas foca em composição de chapa majoritária

Publicado

Presidente regional do PDT e um dos principais apoiadores da pré-candidatura de Mauro Mendes ao governo, o deputado estadual Zeca Viana aceita compor como vice do democrata caso seja convidado. Ele, no entanto, garante que sua prioridade é a formação da chapa majoritária e acomodação de Adilton Sachetti (PRB) dentro do grupo em prol do ex-prefeito de Cuiabá.

A poucos dias para o fim do prazo das convenções, existe um impasse no grupo. Além de Sachetti, Carlos Fávaro (PSD) tenta conquistar a 2ª vaga ao Senado – a 1ª deve ficar com o pré-candidato Jayme Campos (DEM).

“Nós do PDT somos abertos e francos. Nós temos um a preferência pelo Adilton Sachetti e existe um pré-acordo entre o PSD e o DEM. Vamos sentar e vê se ajustamos essa questão, pois, nessas horas, não podemos deixar companheiro na mão”, enfatiza o pedetista, em visita a Barra do Garças, no sábado passado (21).

Vice

Embora afirme não ter pretensão em sair a vice de Mauro, Zeca disse que se tiver espaço, vai aceitar o convite. O nome do deputado surgiu como alternativa a relutância do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta, em aceitar a reeedição da chapa formada em 2010, ao lado do democrata.

Leia mais:  Hospitais de Mato Grosso não podem ter salas de espera diferentes entre pacientes do SUS e privados

“Não sou pré-candidato impositivo, que exige. Muito pelo contrário, na política temos que buscar onde encaixa os pauzinhos do tabuleiro para ganhar às eleições. Mas, se chamado, é óbvio que vou aceitar”, ressaltou.

Em Barra do Garças, Zeca Viana participou do lançamento da pré-candidatura do empresário Gordin Tur (PDT) à Câmara Federal. O parlamentar saiu às pressas para uma reunião ainda em Cuiabá para fechar a composição da chapa majoritária.

 

Fonte: RD News

publicidade

Política MT

Assembleia aprova “Programa de Alimentação Balanceada” para escolas de MT

Publicado

Foto: Karen Malagoli

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) aprovou, em segunda votação, o Projeto de Lei nº 77/2019 que cria o Programa de Alimentação Balanceada em escolas públicas e privadas de educação infantil, ensino fundamental e médio do Estado de Mato Grosso.

Desenvolvido pelo deputado estadual Valdir Barranco (PT), a instalação do programa tem por finalidade a promoção da alimentação saudável, obedecendo a padrões de qualidade nutricional e de vida indispensáveis à saúde dos alunos do estado. “Criamos o projeto para impedir que essas crianças e adolescentes se alimentem de uma maneira não saudável, cresçam e venham a adquirir alguma doença crônica por essa má alimentação na infância. Apesar das mudanças, esse substitutivo ainda prevê orientações, campanhas e abordagens para propiciar, não só uma alimentação balanceada, mas a prática de alguma atividade física”, disse.

Com essa aprovação, as instituições escolares devem promover mecanismos efetivos à promoção da alimentação saudável junto à comunidade escolar, alunos, famílias, professores, funcionários da escola, proprietários e funcionários de cantinas escolares. Além de promover a disseminação de informações multifatoriais sobre o consumo consciente de alimentos e hábitos de vida saudáveis para o combate a obesidade, diabetes, hipertensão.

Leia mais:  Sorriso recebe emenda de R$ 200 mil para a Saúde

A proposição também prevê a capacitação dos responsáveis dos aspectos higiênico-sanitários relevantes para o exercício do comércio de alimentos de acordo com os regulamentos da Secretaria Estadual da Saúde.

O texto é um substitutivo à proposição que proibia a venda de doces, refrigerantes, salgados fritos e outros alimentos industrializados que colaborassem para o desenvolvimento de da obesidade, diabetes e hipertensão em cantinas de instituições de ensino do estado.

Agora, o projeto aguarda sanção ou veto do governador Mauro Mendes (União).

Fonte: ALMT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana