conecte-se conosco

Mulher

6 mitos e verdades sobre a asma que você precisa saber!

Publicado


source

Alto Astral

6 mitos e verdades sobre a asma que você precisa saber!
Reprodução: Alto Astral

6 mitos e verdades sobre a asma que você precisa saber!

A asma ganhou evidência no último ano por ser incorporada às comorbidades (doenças de risco) da Covid-19. Desde então, muito tem se ouvido falar sobre a doença, bem como de seus sintomas, riscos e tratamentos.

Para dar mais visibilidade ao assunto, é comemorado em 21 de junho o Dia Nacional de Controle da Asma . A intenção é suscitar debates sobre a patologia, visando ajudar quem sofre com ela e alertar sobre seus perigos.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 262 milhões de pessoas no mundo convivem com a asma, sendo que de 3% a 10% dos pacientes apresentam a doença em sua forma mais grave. Os dados mostram ainda que ocorreram mais de 46 mil mortes decorrentes do problema respiratório globalmente. Já em nível nacional, o Brasil conta com 20 milhões de asmáticos.

“Neste mês de junho, início do inverno, enquanto ainda enfrentamos tantos casos de Covid-19, precisamos mais do que nunca refletir sobre a importância de se respirar bem”, destaca o médico pneumologista Rafael Faraco, que aponta mitos e verdades sobre a enfermidade.

Leia mais:  Agnès Varda faria 93 hoje; conheça seu legado para a história do cinema

Mitos e verdades sobre a asma que você precisa saber!

1 – Obesidade pode acarretar o surgimento da asma: VERDADE!

“Estudos sugerem que a ação inflamatória do tecido adiposo, proveniente do excesso de peso, pode levar ao desenvolvimento de inflamação nas vias aéreas e, como consequência, deste processo, a asma”, explica o especialista.

2 – A asma é uma doença contagiosa: MITO!

Rafael assegura que uma pessoa não pegará a doença ao conviver com um asmático, dado que sua causa é resultado de diversos fatores, desde alérgicos até genéticos.

3 – O inverno pode agravar as crises de asma e de outras doenças respiratórias: VERDADE!

Você viu?

O médico esclarece que esse agravamento é causado pelo hábito de ficar mais tempo em lugares fechados, com pouco sol e mais umidade. Assim, a proliferação de mofo e bolor aumenta, alimentando os ácaros.

4 – A asma pode desaparecer sozinha ou ser curada: MITO!

“A severidade da doença varia de pessoa para pessoa. As crises até podem desaparecer com o tempo, principalmente, se houver tratamento adequado. No entanto, a doença não some totalmente, pois é uma doença crônica, que pode ser tratada, mas não tem cura”, pondera Rafael.

Leia mais:  Aula de dança: 7 canais do YouTube para se exercitar em casa de graça

5 – Asmáticos não podem ter animais de estimação: MITO!

A resposta do pneumologista deixará contente aqueles que amam ter um bichinho: pessoas com asma podem, sim, ter pets ! Entretanto, ele alerta para algumas necessidades, como questões de higiene e observar se o animal não desencadeará crises alérgicas no paciente.

6 – Pacientes com asma grave são prioritários na vacinação contra a Covid-19: VERDADE!

“Essa iniciativa serve também como alerta para quem subestima ou desconhece essa doença que, se não tratada adequadamente, não compromete apenas a saúde e a qualidade de vida do paciente, como também pode levar a óbito”, explica o profissional.

Ele relembra ainda a importância da imunização anual contra a influenza nos pacientes com asma moderada a grave de qualquer faixa etária, é medida importante para redução de crises da doença, especialmente em um cenário de saturação dos serviços de saúde em razão do aumento no número de casos de Covid-19.

Fonte: Rafael Faraco, pneumologista e membro da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT).

Fonte: IG Mulher

publicidade

Mulher

Testamos a Base Matte Hidraluronic para pele negra da Vult

Publicado


source
A base é o mais novo lançamento da marca, promete reduzir as linhas de expressão e melhorar a textura da pele.
Reprodução

A base é o mais novo lançamento da marca, promete reduzir as linhas de expressão e melhorar a textura da pele.










O mais recente lançamento da Vult, a Base Matte Hidraluronic, carrega uma novidade que não estava presente em produtos anteriores. Desta vez, a base possui em sua composição Ácido Hialurônico, composto usado para combater as rugas, diminuir a flacidez do rosto e corrigir cicatrizes . A base está disponível em 12 tons e custa R$ 39,90.

Segundo a marca, o produto irá deixar a pele mais hidratada, firme, controlar a oleosidade, durar ao menos 8 horas e oferecer um acabamento super matte. Além disso, a base também reduziria as linhas de expressão, rugas e melhoraria a textura da pele. As jornalistas Beatriz Neves e Mariana Quadros testaram  a novidade. Veja o que elas acharam.

Beatriz Neves

Segundo a marca, o produto irá deixar a pele mais hidratada, firme, controlar a oleosidade, durar ao menos oito horas e oferecer um acabamento super matte.
Reprodução

Segundo a marca, o produto irá deixar a pele mais hidratada, firme, controlar a oleosidade, durar ao menos oito horas e oferecer um acabamento super matte.


Hidratação

Apesar de obter um acabamento matte, um dos diferenciais descritos pela marca é justamente a capacidade da base deixar a nossa pele hidratada. Para verificar essa propriedade, eu apliquei o produto com uma esponja no rosto limpo, sem primer. Quando a base secou, minha pele estava seca, mas não tinha um aspecto desidratado. O saldo final foi um rosto viçoso e hidratado.

Rendimento

A Base Matte Hidraluronic é líquida e vem em uma embalagem de 26 ml, assim como outras bases da Vult. A forma de aplicação é simples: basta apertar a ampola que o produto sai em suas mãos. O orifício diminuto presente na base evita o desperdício. Para espalhar a base no rosto todo, eu utilizei, aproximadamente, meia colher de café. O que foi o suficiente, porque senti que cobriu todo o meu rosto e cobriu todas as imperfeições.

Você viu?

Duração

A base garante durar no mínimo oito horas em nosso rosto. Eu apliquei às 9h e às 17h ela ainda estava intacta. Devemos considerar é claro que eu não realizei nenhum exercício físico ou suei, então não é possível saber ao certo com ela irá se comportar nessas situações. No geral, ela cumpre o prometido, durando um período considerável de tempo sem “derreter”.

Leia mais:  7 dicas para manter o cuidado das unhas em sua casa

Linhas de expressão

Outra promessa feita pelo produto é reduzir as rugas e linhas de expressão. Eu não tenho rugas, mas percebi algumas linhas bem visíveis no meu rosto, principalmente nas áreas próximas ao nariz e no canto dos lábios. 

Cobertura

A base possui cobertura alta, pois em apenas uma camada cobriu algumas manchas de acne que eu tenho, além das minhas olheiras, que são bem escuras e marrons. 

Pele negra

A linha de bases vem em 12 cores: seis para peles claras e seis para peles escuras. O tom que eu usei foi o Q075, que se adaptou perfeitamente ao meu tom de pele. Ele possui um sub tom avermelhado (ideal para pele negra), que não permite que a base fique acinzentada. 

Oleosidade

A Base Matte Hidraluronic é indicada para peles mistas a oleosas, prometendo controlar a oleosidade e deixá-la com acabamento mate. Minha pele é oleosa, e após o dia inteiro com o produto, meu rosto estava seco, sem nenhum sinal daquele sebo indesejado. Nesse aspecto, a base satisfaz as nossas expectativas. 

Mariana Quadros

Minha pele com aspecto sequinha
Mariana Quadros

Minha pele com aspecto sequinha


Oleosidade

Minha pele é mista e tende a ficar oleosa no final do dia. A base vult deixou ela bem sequinha, no entanto, senti que faltou um pouco de iluminosidade na pele, que tem um tom amarelado. 

Cobertura

Também notei uma alta cobertura, tenho algumas manchinhas e desapareceram.

Linhas de expressão

Minhas linhas de expressão foram completamente apagadas, mostrando a qualidade do produto.

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Mais Lidas da Semana