conecte-se conosco

Mato Grosso

Advogado Aécio Rodrigues é empossado no Escritório de Representação de MT

Publicado


O advogado Aécio Rodrigues foi empossado pelo governador Mauro Mendes como o novo titular do Escritório de Representação do Estado de Mato Grosso em Brasília (Ermat).

O ato de posse ocorreu na manhã desta segunda-feira (07.06), e contou com a presença do secretário chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho; dos deputados estaduais Elizeu Nascimento e Gilberto Cattani; do ex-senador Cidinho Santos; além de prefeitos, vereadores e outras lideranças.

Aécio Rodrigues é advogado e possui bom trânsito político para defender os interesses de Mato Grosso na capital federal.

“É um prazer poder trabalhar pelo meu estado. Vou honrar muito essa confiança que me foi dada. Esse é um governo sério, que pegou bilhões de dívidas, e hoje está com tudo em dia, pois o governador teve pulso firme para tomar as medidas necessárias. O Governo conseguiu Nota A no Tesouro Nacional e também é um exemplo na gestão durante a pandemia. Vou trabalhar com lealdade ao Governo e aos princípios da administração”, afirmou o novo chefe do Ermat.

Leia mais:  Cáceres recebe projeto MT Prev Itinerante em setembro

De acordo com o governador, o escritório é um elo importante com o Congresso Nacional, bancada, Governo Federal e com os Poderes.

“Nós precisamos de alguém que tenha a capacidade de fazer essa articulação, e que possa melhorar e otimizar o trabalho do Governo do Estado de Mato Grosso em Brasília, frente a tantos interesses que Mato Grosso têm para com a nossa população. Eu tenho certeza que o Aécio vai poder desempenhar isso à altura, porque é um jovem com boa formação, boa índole e vai nos ajudar a melhorar a nossa atuação e defender os interesses de Mato Grosso lá em Brasília”, afirmou.

Atuação do Ermat

O Escritório de Representação do Estado de Mato Grosso (Ermat) possui diversos papeis. Entre eles representar e assessorar o Executivo mato-grossense junto ao Governo Federal, Congresso Nacional, instituições públicas e privadas e organismos internacionais, na articulação de ações de interesse de Mato Grosso.

Outra função é articular e acompanhar a tramitação e o desenvolvimento de programas, projetos, convênios, termos de cooperação e emendas parlamentares de interesse de Mato Grosso, que envolvam recursos federais.

Leia mais:  Mulher alega ter comprado motocicleta em aplicativo de conversa e é detida por receptação

O escritório ainda atua em eventos e conversas relacionadas à sua função em Brasília e, quando autorizado pelo governador, junto às embaixadas e representantes de outros países, colaborando na divulgação das potencialidades de Mato Grosso.

Fonte: GOV MT

publicidade

Mato Grosso

Governo de MT já pactuou cerca de 90% das doses recebidas; veja quanto cada município aplicou

Publicado


O Governo de Mato Grosso recebeu, até esta terça-feira (21.09), 4.374.456 doses das vacinas contra Covid-19 do Ministério da Saúde e já pactuou a distribuição de 3.926.033 doses aos 141 municípios do Estado, ou seja, cerca de 90% do total recebido.

A disponibilização das doses é resultado da soma da primeira e segunda doses ou doses únicas (3.896.285), acrescida das doses destinadas às populações indígenas aldeadas (54.120) e dos arredondamentos técnicos (29.748) necessários para o ajuste volumétrico dos frascos disponibilizados pelo Ministério da Saúde.

É importante destacar que o ranking de aplicação não considera as doses destinadas aos povos indígenas para evitar qualquer disparidade nos dados. Alguns municípios contabilizavam doses aplicadas em aldeias pertencentes a territórios vizinhos e ultrapassavam o limite de 100% da aplicação.

Das 3.926.033 doses disponibilizadas aos municípios, as prefeituras aplicaram 3.246.118 (81,69%), sendo 2.122.061 como primeira dose ou dose única e 1.010.547 como segunda dose. O percentual da semana passada era de 78,02%.

Os 10 municípios que mais aplicaram vacinas, considerando o percentual de doses aplicadas em relação às doses recebidas, foram: Diamantino (94,63%), Planalto da Serra (94,47%), Primavera do Leste (94,00%), Torixoréu (93,85%), Santa Rita do Trivelato (93,49%), Jaciara (92,89%), Alto Taquari (92,24%), Cocalinho (92,07%), Glória D’Oeste (91,73%) e Campinápolis (91,46%).

Leia mais:  Mulher alega ter comprado motocicleta em aplicativo de conversa e é detida por receptação

Confira o ranking completo de aplicação das vacinas no Boletim Informativo nº 562 ou no Painel de Distribuição de vacinas Covid-19.

A Vigilância Estadual alertou que a utilização de unidades de segunda dose como primeira dose pode comprometer o esquema vacinal da população do município, considerando o fornecimento e as orientações feitas pelo Ministério da Saúde.

Sobre a distribuição

Na força-tarefa da vacinação, cabe ao Governo do Estado fazer a logística de distribuição, que é definida pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT), composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição é feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e do Ministério da Defesa. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também disponibiliza sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

É importante ressaltar que o Governo Federal define o total de doses que cada estado recebe. Essa definição ocorre de acordo com a quantidade de pessoas que pertencem aos grupos prioritários e não pela quantidade absoluta da população.

Leia mais:  Preservação de local de crime e balística são temas de palestra em Seminário
Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana