conecte-se conosco

Mato Grosso

Após empresa cumprir com obrigações, Governo autoriza funcionamento de 20 UTIs no Hospital Regional de Rondonópolis

Publicado


A Empresa Instituto Mato-grossense de Terapia Intensiva apresentou na tarde deste sábado (10.04) o documento necessário para colocar em funcionamento 20 leitos de UTI, exclusivos para pacientes com covid-19, no Hospital Regional de Rondonópolis. 

O documento, com a equipe técnica responsável pelo atendimento dos pacientes foi entregue à direção do hospital, que já autorizou a abertura dos leitos a partir das 7h da manhã deste domingo (11.04). 

De  acordo com as informações da Secretaria de Estado de Saúde, não haverá qualquer solenidade de inauguração dos leitos. 

“Os leitos estão prontos e só faltava o documento com a equipe técnica responsável. Com a entrega, agora, automaticamente  os leitos entram na regulação e amanhã já vamos receber os pacientes. Sem nenhum tipo de evento, porque a pandemia está aí e o que importa são as vidas que iremos salvar com esse serviço”, explicou o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo. 

O secretário destacou que os leitos foram abertos com recursos do Governo do Estado e serão para atender a demanda de toda a região. 

Leia mais:  Mato Grosso paga até 69% mais barato por testes rápidos em relação a outros estados

“Estávamos tratando desse assunto com todo o profissionalismo que o caso requer. Sem politizar. Nunca anunciamos data de inauguração, porque essa não é a nossa forma de fazer política pública de saúde. Colocamos leitos em funcionamento e só anunciamos à população depois que os leitos estão inseridos no sistema. É assim em todas as nossas unidades. Infelizmente, quiseram criar um factóide. Mas, a verdade sempre se sobrepõe às fake news”, afirmou Gilberto.

Fonte: GOV MT

publicidade

Mato Grosso

Ser Família Emergencial contempla 979 famílias em cidades da fronteira

Publicado


Seiscentas e trinta famílias de Vila Bela da Santíssima Trindade e 349 de Pontes e Lacerda, ambas da região de fronteira com a Bolívia, receberam o cartão Ser Família Emergencial, no valor de R$ 150 para ajudar as familias mais carentes na compra de alimentos. O benefício mensal será executado durante cinco meses.

Idealizado pela primeira-dama Virginia Mendes, o programa emergencial vai atender 100 mil famílias com renda per capita de até R$ 89. Ao todo serão investidos R$ 75 milhões, sendo R$ 50 milhões em recursos do Governo do Estado, R$ 10 milhões da Assembleia Legislativa e R$ 15 milhões em emendas do senador Jayme Campos.

Moradora de Pontes e Lacerda, a diarista Ivanir Clara de Souza, 36 anos, e mãe de dois adolescentes, disse que a ajuda chega em boa hora. “Eu pego cesta básica todo mês na secretaria de assistencia social, mas não tem produtos de limpeza e a mistura. Com esses R$ 150 vou comprar esses  itens que não vem na cesta. Esse cartão vai fazer toda diferença”.

Leia mais:  Parcerias Sociais de Mato Grosso são reconhecidas como boa prática em Infraestrutura

Ela recebeu o cartão da mão do secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, que representou o governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes na região. Todos os secretários de Estado fizeram entrega do benefício em todo o Estado.

“Em Pontes e Lacerda e Vila Bela da Santíssima Trindade, juntas, o investimento mensal será de R$ 146,5 mil em gêneros alimentícios, beneficia as famílias e movimenta o comércio local, selecionado para receber o cartão Ser Família. Se o Governo está em condições de ajudar as famílias é porque o governador Mauro Mendes fez o dever de casa, cortou gastos e hoje executa o maior programa de investimentos o Mais MT”, destacou o secretário Bustamante.

Para o prefeito de Vila Bela da Santíssima Trindade, André Bringsken, o Ser Família emergencial é um dos programas mais bem-vindos nesta situação da pandemia. “Muitas famílias vulneráveis, de baixa renda estão precisando do auxílio. Parabéns ao governador Mauro Mendes, a primeira-dama Virginia Mendes, a secretária de Assistencia Social Rosamaria que estão empenhando em buscar essas famílias, localizando e dando a contribuição não em dinheiro, mas em forma de cartão, permitindo a compra de comida que é o essencial na pandemia”.

Leia mais:  Mato Grosso paga até 69% mais barato por testes rápidos em relação a outros estados

Já o prefeito de Pontes e Lacerda, Almir Barcelos, comentou que a pandemia fez com que as pessoas passassem a ter um olhar mais humano aos demais, pois as vítimas do vírus sao de todas as cores e classe social. “O Governo de Mato Grosso está de parabéns, pegou toda a equipe para percorrer o estado e levar o benefício para quem mais precisa”.

Também participaram do evento da entrega dos cartões em Pontes e Lacerda e em Vila Bela da Santíssima Trindade os deputados estaduais Valmir Moretto, Dr. Gimenes, vereadores das duas cidades, e representantes das forças policiais do Estado.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana