conecte-se conosco

Mato Grosso

Escola supera obstáculos da pandemia e tem bons resultados com aulas não presenciais

Publicado


Em tempos de pandemia e ensino remoto, a tecnologia é usada sem parcimônia pela equipe gestora e pelos profissionais da educação da Escola Estadual 13 de Maio, em Sorriso (420 km ao norte da Capital). Desde o início do ano letivo de 2021, as formações são online, além de reuniões com a comunidade escolar e, principalmente, as aulas. A equipe gestora utiliza as ferramentas disponibilizadas pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), com a utilização do e-mail institucional.

Após o término das transmissões, as reuniões ficam disponíveis no Google. Quem tiver dúvidas pode assistir novamente.

Diretor da escola, Thiago Rabelo Sales afirma que a tecnologia é uma ferramenta essencial para a inclusão socioeducacional, com o foco de levar um ensino de qualidade a todos os estudantes, ora pelas plataformas virtuais, ora pela disponibilização dos materiais impressos aos estudantes.

O gestor explica que os encontros são realizados a partir de reuniões com a equipe gestora da escola, nos quais são discutidos aquilo que, no momento, são desafios para a equipe de professores com as aulas à distância, tanto na parte pedagógica como na administrativa.

Leia mais:  PM prende grupo criminoso e liberta vítima sequestrada e torturada em Sinop

O primeiro momento partiu de uma live com os coordenadores: Marcos Antônio Dimas Machado e Francisco Antônio de Lima Moraes abordando a volta às aulas num ano contínuo – as dúvidas eram muitas e precisavam ser esclarecidas. A transmissão, além dos professores, teve a participação de pais e alunos.

Na sequência, vieram outras reuniões online para esclarecer a elaboração dos componentes complementares e a organização desses lançamentos.

Alunos especiais

“Partindo dos professores, organizamos mais uma reunião, sobre a produção das atividades e a compreensão do funcionamento da sala de recursos multifuncionais, conhecendo as especificidades dos alunos especiais, onde contamos com o auxílio da professora do atendimento AEE Rosely Alves de Souza com suas experiências nessa área”, assinala o diretor.

No fechamento do bimestre, os professores fizeram uma reunião não presencial para discutir plano de intervenção, a partir da avaliação diagnóstica. O foco da reunião foi fortalecer os conhecimentos dos estudantes e para os professores como seria a elaboração desses planos.

A coordenadora Cassilda Marques da Silva e a professora Celina Elias Gomes Gonçalves ressaltam que esses momentos são de grande importância para todos e agradece a dedicação e criatividade dos profissionais da Escola 13 de Maio.

Leia mais:  Operação Final de Ano terá 1.500 policiais militares nas ruas

“Esses encontros à distância contribuem para a continuidade dos processos de ensino e aprendizagem, pois rompem barreiras impostas pelo distanciamento social”, finaliza a diretora.

Fonte: GOV MT

publicidade

Mato Grosso

Domingo (13): Mato Grosso registra 427.979 casos e 11.417 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (13.06), 427.979 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 11.417 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 407 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 427.979 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 12.872 estão em isolamento domiciliar e 401.968 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 489 internações em UTIs públicas e 344 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 92,97% para UTIs adulto e em 40% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (89.294), Rondonópolis (31.259), Várzea Grande (29.186), Sinop (20.792), Sorriso (14.770), Tangará da Serra (14.712), Lucas do Rio Verde (13.096), Primavera do Leste (10.959), Cáceres (9.222) e Alta Floresta (8.158).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia mais:  PM prende grupo criminoso e liberta vítima sequestrada e torturada em Sinop

O documento ainda aponta que um total de 345.418 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 787 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No sábado (12.06), o Governo Federal confirmou o total de 17.374.818 casos da Covid-19 no Brasil e 486.272 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 17.296.118 casos da Covid-19 no Brasil e 484.235 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste domingo (13.06).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia mais:  Governo de Mato Grosso assegura execução dos recursos financeiros da Lei Aldir Blanc

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana