conecte-se conosco

Entretenimento

Guerra dos Sexos: Marilu Bueno viveu mesmo papel em 1ª versão e remake

Publicado

source
Marilu Bueno em 'Guerra dos Sexos'
Divulgação – 23.06.2022

Marilu Bueno em ‘Guerra dos Sexos’


A atriz Marilu Bueno, que morreu nesta quarta-feira, dia 22, deu vida duas vezes a personagem Olívia, de “Guerra dos sexos”. Uma em 1983, ao lado de Fernanda Montenegro e Paulo Autran, e outra em 2012 com Irene Ravache e Tony Ramos na pele dos protagonistas Charlô e Otávio. Na época do remake, quase 30 anos depois da primeira versão, a atriz contou quando recebeu o convite do autor Silvio de Abreu para participar novamente da novela, não pensou duas vezes para aceitar o papel:

+ Entre no  canal do iG Gente no Telegram e fique por dentro de todas as notícias sobre celebridades, reality shows e muito mais!

— Na hora só pensei na felicidade que estava sentindo. Amei fazer a personagem na década de 80 e adorei saber que também faria novamente. Faria de novo quantas vezes fosse.


Marilu afirmou ainda que a criada era justamente a ligação entre o passado e o presente da novela.

+ Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram !

— Olívia é a única que sabe como a mansão funcionava, como era o comportamento dos antigos donos. Em suas cenas, ela conversa com os quadros, faz comentários que reforçam o passado ali. Ela fala como era com Charlô I e Otávio I. Por meio de suas lembranças é que Silvio liga uma novela à outra — explicou a atriz, que precisou se esforçar para não usar referências da primeira versão da trama: — Fiz um trabalho mental muito sério para esquecer a novela anterior e poder focar nesta Olívia.

Olívia marcou também a volta de Marilu à Globo. A atriz ficou quatro anos trabalhando na Record:

— Fiquei quatro anos na Record e fiz dois trabalhos lá a convite de um diretor. Foram trabalhos bons, eu sempre gosto de trabalhar. Mas sou muito grata ao Silvio de Abreu por ter me convidado para ‘Guerra dos sexos’.

Leia mais:  'Dança dos Famosos': Vitória Strada é confirmada na disputa

Marilu estava internada no Hospital Municipal Miguel Couto, na Zona Sul carioca, desde o início do mês de junho. A causa da morte não foi divulgada pela família.

Fonte: IG GENTE

publicidade

Entretenimento

Ricky Martin recebe ordem de restrição por violência doméstica

Publicado

Cantor Ricky Martin
Reprodução/Instagram – 03.07.2022

Cantor Ricky Martin

Ricky Martin se tornou alvo de uma ordem de restrição após ser acusado de violência doméstica em Porto Rico. Uma juíza da ilha caribenha emitiu a decisão, assim como informou a mídia local e a agência Associated Press (AP) neste sábado (2). 

+ Entre no  canal do iG Gente no Telegram e fique por dentro de todas as notícias sobre celebridades, reality shows e muito mais!

Conforme a AP, o cantor assinou a ordem nesta sexta-feira (1), após as autoridades visitarem o bairro nobre na cidade Dorado, onde o cantor mora, para cumpri-la. A ordem ocorre visando proteger a pessoa que realizou a denúncia, com quem Martin estaria se relacionando fora do casamento com o pintor Jwan Yosef, com quem tem quatro filhos. 


O jornal porto-riquenho “El Vocero” noticiou que a ordem afirma que Ricky e a outra parte “tinham um relacionamento há sete meses”. “Eles se separaram há dois meses, mas Martin não aceita a separação. Ele liga para ele com frequência”, informa o veículo.

Leia mais:  Charli XCX divulga tracklist do seu novo álbum "Crash"

+ Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram !

O jornal ainda destacou que Martin foi visto “vagando em torno da residência em pelo menos três ocasiões”. Não se sabe o nome da pessoa que emitiu a ordem, já lei de Porto Rico garante o anonimato do denunciante.

À revista norte-americana “People”, representantes do cantor declararam que “as alegações contra Ricky Martin são completamente falsas e fabricadas”.

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Mais Lidas da Semana