conecte-se conosco

Política Nacional

Mackenzie recebe ameaça nazista de massacre e segurança é reforçada

Publicado

Caso de nazismo na Universidade Mackenzie em SP
Reprodução: redes sociais – 05/08/2022

Caso de nazismo na Universidade Mackenzie em SP

A Polícia Civil de São Paulo investiga uma ameaça nazista na Universidade Mackenzie, no campus de Alphaville. A ameaça aconteceu por meio de pichações na porta de um dos banheiros do local. 

Ao iG , a assessoria de imprensa do Instituto Presbiteriano Mackenzie disse que o caso agora está com a polícia e declarou indignação ao acontecimento. Eles ainda enviaram uma nota dizendo que a segurança interna está reforçada.

Leia a nota na íntegra

“O Instituto Presbiteriano Mackenzie recebeu, com profunda indignação e surpresa, ameaças com pichação na porta de um dos banheiros no campus de Alphaville.   

Temos uma história com mais de 150 anos, pautada pelo respeito e por serviços prestados à sociedade brasileira, especialmente com a formação de milhares de profissionais.  

Por isso, não aceitamos esse tipo de violência. Reforçamos a segurança interna e já acionamos a polícia para investigar os autores”.

O Mackenzie ainda afirmou ao IG que o responsável pela ameaça ainda não foi identificado e aguarda novas informações da Polícia Civil. As aulas no campus de Alphaville foram suspensas nesta sexta-feira.

Leia mais:  "Há contradições", diz relator de processo envolvendo Gabriel Monteiro

Em atualização…

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

publicidade

Política Nacional

Haddad faz aposta sobre candidatura de Tarcísio

Publicado

Fernando Haddad não acredita que eleição em SP terminará no primeiro turno
Reprodução/YouTube – 18.08.2022

Fernando Haddad não acredita que eleição em SP terminará no primeiro turno

Nesta quinta-feira (18), durante sabatina no Macro Day, organizada pelo Banco BTG, o candidato ao governo de São Paulo Fernando Haddad (PT) afirmou que dificilmente conseguirá vencer as eleições no primeiro turno. O ex-prefeito da capital paulista fez uma aposta sobre a candidatura de Tarcísio de Freitas.

“É muito pouco provável que aconteça eleição em 1 turno em São Paulo. A eleição se deve a vários fatores: o primeiro deles, nível de conhecimento. Você não rejeita quem você não conhece”, iniciou.

“Nós estamos recebendo de braços abertos o Tarcísio e ele vai passar a ser conhecido agora. Precisa aumentar o grau de conhecimento dele, mais gente vai querer voltar dele, mais gente vai querer não votar nele. É natural da democracia”, completou.

No início da semana, a TV Globo divulgou relatório da pesquisa Ipec, ex-Ibope, e Haddad apareceu em primeiro lugar com 29% das intenções de votos. Tarcísio de Freitas (Republicanos) obteve 12% e Rodrigo Garcia (PSDB) ficou com 9%, o que representa um empate técnico, já que a margem de erro é de 3%.

Leia mais:  "Há contradições", diz relator de processo envolvendo Gabriel Monteiro

O levantamento entrevistou 1,2 mil eleitores entre os dias 12 e 14 de agosto deste ano em 59 cidades de São Paulo. A pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número SP-04035/2022.

Haddad e as privatizações

O ex-prefeito de São Paulo declarou que é contra a privatização da Sabesp. “Não precisa ser vendida. “Ela é uma empresa de capital aberto que pode fazer subconcessão, operação de crédito e lançar novas ações. Ela está livre para fazer o que ela bem entender. Não entendo esse apetite em querer vender uma coisa que tem todos os instrumentos para fazer bem feito”, comentou.

No entanto, afirmou que é favorável que a Ceagesp seja entregue para a iniciativa privada. “Eu não sou dogmático em relação à privatização ou não. Acho que tem coisas que o Estado não precisa fazer e nem deve”, concluiu.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Continue lendo

Mais Lidas da Semana