conecte-se conosco

Policial

Polícia Civil prende indígena em flagrante por tentativa de homicídio em Rondonópolis

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, em ação realizada pelos policiais da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), prenderam em flagrante na segunda-feira (07.06), um indígena apontado como autor da tentativa de homicídio ocorrida em uma aldeia na região.

O suspeito de 27 anos estava embriagado e utilizou uma garrafa quebrada para aplicar golpes contra a vítima em diversas partes do corpo.

As investigações iniciaram por volta das 11 horas quando a equipe da DHPP foi acionada sobre um índio esfaqueado na Aldeia Tadarimana e que precisava de socorro.

Com base nas informações, os policiais foram até a aldeia acompanhados das equipes do Incra e do Samu, encontrando no caminho o médico responsável pela saúde dos indígenas trazendo a vítima em uma caminhonete.

A vítima que estava com cortes nos braços, costas, mandíbulas, causados por cacos de uma garrafa quebrada. A vítima, de 23 anos e também indígena, foi imediatamente transferida para atendimento na ambulância do Samu.

Leia mais:  Acadepol aprova mais 74 enunciados interpretativos com proclamação dos resultados do CEPAp

Na aldeia, os policias conseguiram localizar o autor dos fatos que estava em visível estado de embriaguez. Ele foi conduzido para a 1ª Delegacia de Polícia para as providências cabíveis e após ser interrogado foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio.

Fonte: PJC MT

publicidade

Policial

Três edições da Lei Seca no final de semana resultam na prisão de 33 pessoas

Publicado


Durante o final de semana, 33 pessoas foram presas em três edições da Operação Lei Seca, realizadas em Cuiabá, Sorriso e Várzea Grande. Do total, 31 prisões ocorreram por embriaguez ao volante, conforme previsto no Art. 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e duas por recusa de realização de teste, exame clínico ou perícia que identifique influência de álcool (Art. 165-A).

A 29ª edição ocorreu em Várzea Grande, no Jardim Eldorado, na tarde de domingo (25.07), e foi concluída com oito pessoas presas por dirigirem embriagadas. Do total de 69 Autos de Infração de Trânsito (AITs), 13 foram por condução de veículo sob efeito de álcool (Art. 165); 03 por recusa de realizar teste de alcoolemia (Art. 165-A); 16 por condução de veículo sem habilitação (Art. 162, I); 14 por condução de veículo sem registro ou não licenciado (Art. 230, V); e 23 por outros motivos.

Houve ainda 11 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) por descumprimento ao Art. 32 da Lei de Contravenções Penais (LCP), ou seja, direção de veículo sem habilitação, mas sem oferecer risco. Foram feitos 78 testes de alcoolemia, removidos 19 carros e 11 motocicletas, além de autuação de 33 veículos. Quanto aos documentos, foram recolhidos dois Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e sete Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).

Leia mais:  Acadepol aprova mais 74 enunciados interpretativos com proclamação dos resultados do CEPAp

Já entre a noite de sexta-feira (23.07) e a madrugada de sábado (24.07), ocorreu a 8ª edição da Lei Seca, no município de Sorriso (398 km ao Norte de Cuiabá). Realizada na área central, a operação resultou na prisão de 10 pessoas por embriaguez ao volante (Art.306) e de duas por descumprimento ao Art. 165-A.

O total de 23 notificações foi lavrado em função de direção sob influência de álcool. Os testes de alcoolemia somaram 88, enquanto foram abordados 90 dos 340 veículos que passaram pelo local. Foram recolhidas quatro CNHs e removidos 19 carros e 13 motocicletas.

Já em Cuiabá, foi realizada a 28ª edição, na madrugada de sábado (24.07), com 13 pessoas presas por dirigirem veículo sob efeito de álcool, conforme Art. 306 CTB. A blitz ocorreu na Av. Isaac Póvoas, no centro, e foi concluída com 92 testes de alcoolemia e 58 Autos de Infração de Trânsito (AITs).

Integração das forças

A Operação Lei Seca é coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), e conta com a participação da Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN); Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada de Trânsito (Deletran); Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT); e Sistema Penitenciário.

Leia mais:  Batalhão Ambiental intercepta homens que fugiam com carro roubado em Várzea Grande

Na edição de Cuiabá, contou também com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob). Em Várzea Grande, a operação teve apoio da Guarda Municipal. Já em Sorriso, sob coordenação do GGI local, houve ainda a participação da Guarda Municipal, Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF), Procon Municipal, Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Secretaria Municipal de Segurança Pública e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Fonte: PM MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana