conecte-se conosco

Policial

Policiais civis da Central de Flagrantes de VG são homenageados pela Câmara Municipal

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT
 

Cinquenta policiais civis, entre delegados, escrivães e investigadores, lotados na Central de Flagrantes de Várzea Grande receberam “Moção de Aplausos” concedida pela Câmara Municipal de Várzea Grande. A cerimônia ocorreu na manhã desta sexta-feira (28.05), no auditório da Diretoria Geral da Polícia Civil, em Cuiabá.

De iniciativa do vereador Alessandro Moreira e aprovada por unanimidade pelos 20 vereadores da casa legislativa de Várzea Grande, a “Moção de Aplausos” foi em reconhecimento à unidade policial do município que, mesmo diante da grave crise de saúde em virtude da pandemia do coronavírus que atingiu o mundo inteiro, ceifando a vida de milhares de pessoas, inclusive servidores da instituição, permaneceu em atendimento à população. 
 

O vereador pontua, que também é investigador de polícia há 10 anos, após o início da pandemia, a Polícia Civil continuou firme em suas atribuições, não parando um só momento e continuou atendendo a sociedade e acolhendo vítimas.

“Essa honraria é uma simbologia por reconhecimento da população várzea-grandense aos profissionais da Central de Flagrantes de Várzea Grande, em agradecimento ao serviço e atendimento que a unidade policial presta ao cidadão”, destacou o parlamentar.
 

O delegado Ivar Polessa falou da alegria em receber o elogio pelo trabalho desenvolvido junto com toda equipe de policiais civis. Conforme ele, ao longo do tempo, os profissionais percebem as dificuldades das vítimas que procuram a Polícia Civil para resolver os seus problemas, e isso vai impregnando no coração e a dedicação dos servidores vai cada dia se repetindo.

Leia mais:  CAR prende suspeito com mais de 100 papelotes de maconha no bolso e na cueca

“Quando surgiu a pandemia, todos os policiais de Várzea Grande se desdobraram ainda mais para continuar prestando o melhor serviço. Essa homenagem é merecida pelo trabalho silencioso que fazemos na calada da noite, e muitas vezes não tem aplausos. É um reconhecimento bem-merecido pela dedicação”, finalizou o delegado de polícia.
 

A escrivã Shirlei Zuleica Queiroz falou da gratidão e honra em receber a condecoração pela atuação profissional. “São 14 anos dedicação a Polícia Civil e essa homenagem é muito justa, pois o amor pela instituição não nos abateu, continuamos trabalhando de portas abertas atendendo toda a sociedade de Várzea Grande, e nos procura, e a equipe da Central de Flagrantes está pronta para servir e ajudar, mesmo diante da Covid-19. É com muita gratidão que recebo e fico muito feliz com o vereador pelo reconhecimento do nosso trabalho”, agradeceu a escrivã.

Bastante alegre pela homenagem da Câmara Municipal de Vereadores, o policial civil Maycon Rodrigues falou em nome dos demais colegas que junto com ele exercem suas funções. Ele apontou que muitas  vezes, as equipes conversam com pessoas que são levadas à Central de Flagrantes na condição de detidas, na intenção de dialogar e orientar para que não retornem a um novo crime.
 

Leia mais:  Casal é preso por cultivo ilícito de drogas em Várzea Grande

O secretário de Governo de Várzea Grande, Dito Louro, acompanhou a entrega das homenagens e destacou a satisfação de representar a prefeitura na homenagem aos policiais civis, que de forma exemplar atendem diariamente a população várzea-grandense.

Presente também no ato, o presidente da Federação do Conselho Comunitário de Segurança de Mato Grosso, Danilo Moraes, mencionou o trabalho em parceria com a Polícia Civil, que junto com a Federação e o Conselho Comunitário de Segurança de Várzea Grande são pioneiros há mais de 16 anos nas ações voltadas para área social.

“Essa parceria proporcionou o surgimento de diversos projetos, em especial com a Coordenadoria de Polícia Comunitária, que são levados para diversos bairros. Nem mesmo com a pandemia os trabalhos pararam, as atividades continuam em plataforma online com várias lives, e levando as ações permitidas mesmo que de forma remotamente”, contou o presidente Danilo.
 

Também participaram da cerimônia o diretor Metropolitano da Polícia Civil, Rodrigo Bastos, o coordenador dos Plantões Metropolitano, Fabiano Pitoscia, e representando toda a equipe da Central de Flagrantes de Várzea Grande, os policiais civis Andes de Melo Faria, Geraldo de Souza Macedo Neto, Ivar Polessa, Shirlei Zuleica Queiroz e Maycon Rodrigues.

Fonte: PJC MT

publicidade

Policial

PRF apreende quase meia tonelada de cocaína em Várzea Grande-MT

Publicado


No dia de hoje (29), por volta das 13 horas, uma equipe da PRF realizava procedimento de fiscalização no km 524 da BR 070, município de Várzea Grande-MT (trevo do lagarto), quando abordou um caminhão-baú de cor azul, conduzido por um homem de 48 anos.

Ao realizar a entrevista com o motorista do veículo, foi percebida uma contradição em suas declarações, além de demonstrar demasiado nervosismo. Os policiais ficaram desconfiados da situação e resolveram realizar um busca veicular minuciosa no caminhão.

No momento em que a equipe realizava o procedimento, foi localizado no semirreboque um fundo falso, uma alteração de características, conhecida por “MOCÓ”. A equipe encontrou no interior do compartimento oculto a quantidade de 450 tabletes de cloridrato de cocaína pesando um total de 483 kg. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao motorista pela prática do crime de tráfico de drogas. Após a localização do ilícito, o envolvido disse que carregou a substância em Campos de Julho-MT e que levaria para Barra do Garças-MT pela quantia de R$ 10.000,00 (dez mil reais). Disse ainda, que já realizou duas viagens de transporte de drogas anteriormente.

O cidadão foi encaminhado à delegacia da Polícia Federal em Cuiabá para a realização dos demais procedimentos cabíveis.

Fonte: PRF MT

Leia mais:  Casal é preso por cultivo ilícito de drogas em Várzea Grande

Continue lendo

Mais Lidas da Semana