conecte-se conosco

Policial

Ptoliciais civis de Tangará da Serra produzem e distribuem ovos de chocolate no domingo de Páscoa

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Tangará da Serra (239 km a médio Norte de Cuiabá) promoveu a ação social “Páscoa Solidária”, que distribuiu no domingo (04.04), cestas básicas e ovos de chocolates para diversas famílias carentes do município.

O trabalho voluntário realizado pelos policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia e Delegacia Regional possibilitou a entrega dos alimentos arrecadados para os moradores de diferentes bairros da periferia.

A campanha de Páscoa também proporcionou um domingo de alegria, com sorrisos sinceros e olhares encantadores de meninos e meninas de baixa renda, que receberam a visita do coelho da Páscoa com presentes produzidos pelas mãos das servidoras da 1ª Delegacia de Polícia.

Os ovos de chocolates foram feitos e embalados pelas escrivãs e investigadoras: Laura, Flávia, Ednalva, Yara, Joilce, Karis e Juliana.

Conforme o delegado regional de Tangará da Serra, Alexandre Morais Franco, a ação teve como objetivo aproximar a Polícia Civil da comunidade, fortalecendo o vínculo da instituição com as famílias carentes, levando para aqueles que necessitam um pouco de alegria e carinho nessa data especial e principalmente neste momento tão difícil de pandemia.

Leia mais:  Dupla envolvida em furtos de módulos de caminhões é presa em Rondonópolis

“A Páscoa é um momento de reflexão, pois celebra a ressurreição de Jesus Cristo, o amor de Deus por nós, então a forma que encontramos de celebrar essa Páscoa foi fazermos o bem ao próximo realizando essa ação solidária”, destacou o delegado regional.

A ação foi coordenada pela investigadora Laura e as doações foram entregues na manhã de domingo (04), com a ajuda e participação de todos os servidores da Polícia Civil de Tangará da Serra.

Foram beneficiados os moradores dos bairros: Bela Vista, Morada do Sol, Alto da Boa Vista, Shangrila, Vila Nazaré, Jardim dos Ipês, Biquinha, San Diego.

Fonte: PJC MT

publicidade

Policial

Três investigados por homicídios são presos em Primavera do Leste e Pontal do Araguaia

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Policiais civis da Delegacia de Primavera do Leste e da Delegacia da Muher de Barra do Garças cumpriram  mandados de prisões contra três investigados por homicídios cometidos em Primavera. As ordens judiciais decretadas pela 1a Vara Criminal de Primavera do Leste foram cumpridas na última semana e nesta terça-feira (21), em Pontal do Araguaia.

As investigações conduzidas pela Divisão de Homicídios da Delegacia de Primavera do Leste apuram os crimes contra Erivaldo Eloi da Silva, 32 anos, encontrado morto em outubro do ano passado e Douglas Soares de Amorim, 26 anos, morto no bairro Padre Onesto Costa, em fevereiro deste ano.

As prisões temporárias foram representadas pelo delegado Allan Victor Sousa da Matta. Com as prisões, a Polícia Civil espera esclarecer mais pontos nas investigações e evitar que os investigados fujam do distrito da culpa.

Um dos investigados, de 19 anos, foi preso no bairro Padre Onesto Costa. Os policiais civis seguiram até uma casa em que o suspeito estava se escondendo e notaram uma intensa movimentação no local, característica de ponto de venda de entorpecentes.

Leia mais:  Mais 40 cestas básicas são doadas em projeto solidário da Polícia Civil em Barra do Garças

Ao notar a aproximação, uma pessoa pulou o muro em fuga e passou por várias casas. Equipes da Derf de Primavera do Leste e da Polícia Militar auxiliaram no cerco e depois de uma varredura na região, o investigado foi localizado dentro de uma residência, escondido debaixo de uma cama.

Em buscas na casa onde o suspeito estava residindo, os policiais apreenderam celulares sem origem comprovada, chassis e rádios portáteis.

Prisão em Pontal do Araguaia

O investigado de 50 anos preso nesta terça-feira foi localizado na zona rural de Pontal do Araguaia, cidade ao lado de Barra do Garças, pela equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Barra do Garças.

Os policiais chegaram ao foragido durante diligências para apurar uma ocorrência de violência doméstica e familiar registrada no último domingo (19.09). Os investigadores identificaram que contra o homem havia um mandado de prisão temporária em aberto expedido pela Comarca de Primavera do Leste. 

O homicídio pelo qual é investigado ocorreu no ano passado e após cometer o crime, ele fugiu da cidade.

Leia mais:  Polícia Civil prende casal em operação de combate ao tráfico doméstico na região metropolitana

Ele foi conduzido à Delegacia da Mulher de Barra do Garças, onde foi interrogado no procedimento que tramita pelos crimes no âmbito da Lei Maria da Penha. Depois de formalizado o mandado de prisão, ele foi encaminhado à unidade prisional, onde aguardará recambiamento para Primavera do Leste.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana