conecte-se conosco

Economia

São Paulo lança escritório comercial na Alemanha

Publicado


source
João Doria anuncia lançamento de unidade de representação comercial na Alemanha
Governo do Estado de São Paulo/Divulgação

João Doria anuncia lançamento de unidade de representação comercial na Alemanha

O governo de São Paulo lançou um escritório comercial em Munique , na Alemanha, na manahã desta segunda-feira (5). Esta é a terceira unidade de representação internacional da InvestSP , uma agência de promoção de investimentos. Outras duas já estão em funcionamento, sendo uma em Xangai e outra em Dubai. 

O objetivo do escritório é atrair investimentos estrangeiros, com foco em projetos de sustentabilidade. A Alemanha é o terceiro maior parceiro comercial de São Paulo. “É o maior centro industrial da Alemanha fora do país europeu, sendo maior centro industrializado com investimento alemão”, disse o governador João Doria. “Nós seguiremos internacionalizando a economia de São Paulo.”

O evento contou, também, com a presença de representantes de empresas da Alemanha, do embaixador do Brasil no país europeu, Roberto Jaguaribe, além do presidente da InvestSP, Gustavo Junqueira, do Secretário de Relações Internacionais, Julio Serson. 

O embaixador do Brasil na Alemanha, Roberto Jaguaribe, elogiou a esoclha do escritório comercial de São Paulo no país. “Escolher a Alemanha é uma decisão adequada e Munique é uma opção muito favorável. Há um relevante histórico de cooperação de grandes empresas bávaras no Brasil e, por isso, acho que foi um acerto.”

Você viu?

“Essa iniciativa coincide com o momento oportuno para as relações entre a União Europeia e o Brasil, devido aos avanços das negociações do Acordo Mercosul-União Europeia”, disse Gustavo Junqueira, Presidente da InvestSP. “O Governo do Estado de São Paulo acredita na importância desse acordo para alavancar as exportações paulistas e intensificar o comércio entre ambos os blocos econômicos.”

No evento, o governador voltou a afirmar que todos os paulistas serão vacinados até 31 de outubro. Além disso, anunciou a criação de duas fábricas para produção de vacinas, sendo uma para produção da Coronavac e outra para a Butanvac, do Instituto Butantan, que deve ter até 40 milhões de doses até setembro. 

Leia mais:  Seu banco pode estar cobrando juros a mais; saiba o que fazer



publicidade

Economia

Comissão deve aprovar reforma administrativa nesta semana, diz Lira

Publicado


source
Lira quer agilizar tramitação da matéria na Câmara e aprovar proposta até o fim deste ano
Reprodução: iG Minas Gerais

Lira quer agilizar tramitação da matéria na Câmara e aprovar proposta até o fim deste ano

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL), afirmou nesta segunda-feira (20) que pretende pressionar a comissão que estuda a PEC da Reforma Administrativa para agilizar a tramitação da matéria na Casa. Segundo Lira, a votação da proposta na comissão deve ocorrer nesta semana.

“Tem alguns ajustes que precisam ser feitos no texto da reforma, me disseram, e se não fizer para votar amanhã, pode ser na quarta-feira, 20”, disse Lira.

A proposta chegou a ser apresentada na última semana, mas deputados pediram que o relator, Arthur Maia (DEM-BA), fizesse alterações no texto principal. Arthur Lira ressaltou ser necessário uma discussão minuciosa sobre o tema e acredita que deverá ter cautela nas negociações para obter o número de votos necessários.

“Melhor que faça com tranquilidade do que está sendo votado, que é garantindo sempre aquilo que a gente disse que é partindo do princípio que não se mexe em direito adquirido e que faça um desenho mais previsível para o futuro”, afirmou.

“Nem tudo é como a gente quer. Importante que o relator entregue o texto, que esse texto possa ser discutido, porque é um tema que a gente precisa de 308 votos no plenário. Fazer o máximo de esforço para que não tenha nenhum tipo de versão. Cada partido tem seu líder e a reunião será para justamente isso, afinar a discussão toda para que chegue redondo na comissão e que venha ao plenário”, completou Lira.

Em entrevista aos jornalistas, o presidente da Câmara ainda colocou a polêmica dos precatórios como prioridade nesta semana. Lira deverá se reunir com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), nesta segunda-feira para definir o apoio à proposta do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Tribunal de Contas da União (TCU) que estabelece um teto máximo para dívidas judiciais em 2022.

Leia mais:  Publicada lei que destina R$ 20 bilhões para empréstimos a empresas

Continue lendo

Mais Lidas da Semana