conecte-se conosco

Policial

Suspeito de matar amigo durante caçada em Sorriso se apresenta à Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

O homem responsável pela morte do próprio amigo ocorrido durante uma caçada na zona rural de Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá) se apresentou na manhã desta terça-feira (04.05) à Polícia Civil. Acompanhado de advogado, o suspeito apresentou a sua versão dos fatos ao delegado de polícia, José Getúlio Daniel.

O fato que resultou na morte da vítima, Allan Michel de Almeida, de 26 anos, ocorreu no domingo (02.05) em uma fazenda na zona rural, a aproximadamente 48 quilômetros da área urbana de Sorriso. A vítima era compadre do suspeito.

Segundo as informações, o suspeito, seu filho e a vítima foram pescar no local e quando retornavam entraram em um milharal para caçar porco. Durante a caçada, eles conseguiram matar um porco que foi amarrada e em seguida se separaram em busca de outros animais.

Durante a caçada, o suspeito efetuou um disparo que acabou atingindo o amigo. O suspeito socorreu a vítima, a levando para Unidade de Pronto Atendimento de Sorriso e logo em seguida foragiu do local.

Leia mais:  Suspeito é pego por furtar pernil, eletroeletrônicos e ferramentas de loja

O delegado José Getúlio Daniel explica que mesmo se apresentando na delegacia, o suspeito não ficou preso uma vez que já não estava em situação de flagrante e por não ter mandado de prisão decretado pela Justiça em seu desfavor.

“Foi instaurado inquérito policial em que o suspeito responderá pelos crimes de homicídio culposo, porte ilegal de arma de fogo e crime ambiental de matar animal silvestre”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

publicidade

Policial

Policiais civis localizam fugitivo da Justiça que responde a ação por integrar crime organizado

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Mais um foragido da Justiça de Mato Grosso foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (18.05), em Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá). 

O suspeito estava com a ordem judicial decretada pelo juízo da 7° Vara Criminal da Comarca de Cuiabá, competente para julgar condutas envolvendo o crime organizado no estado. Ele responde a uma ação por integrar associação criminosa, conduta prevista na Lei de Organização Criminosa (art. 2° da Lei 12.850/13).

Durante diligências, os investigadores receberam informações de que o foragido estava na cidade e passaram a apurar os fatos para localizá-lo. 

O homem foi conduzido para as providências cabíveis, sendo posteriormente encaminhado para a unidade prisional local, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A 1ª Delegacia de Barra do Garças é coordenada pelos delegados Adriano Marcos Alencar e Pablo Borges Rigo e  conta com uma equipe de investigadores e escrivães comprometidos com a missão institucional de assegurar a ordem pública, mediante investigação policial de qualidade, na busca da apuração e repressão a ilícitos penais.

Leia mais:  Rotam encontra revólver durante abordagem

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Mais Lidas da Semana